Informações, Novidades e Empregos em Tecnologia e Concursos Públicos em TI

PADRÃO IEEE 802.XX

PADRÃO IEEE 802

Autor: Alessandro Cordeiro de Lima

alessandrolima1987@hotmail.com

O padrão IEEE (The Institute of Electrical and Electronics Engineers ou Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos) é uma norma mundial aceita por todos da área de T.I na parte de redes de computadores, onde foi padronizado para o modelo da camada OSI. Abaixo temos o Padrao IEEE 802.xx aceito no mundo inteiro:

802.1k – Define o gerenciamento da rede (LAN/MAN).

802.1d – Define a camada MAC (Media Acess Control) bridges.

802.1e – Define o sistema de protocolo de carga (SLP).

802.1f – Define os procedimentos e definições para gerenciamento de redes.

802.1g – Define controle de acesso remoto de mídia.

802.1h – Define praticas recomendadas para controle de acesso ao meio, com ponte, da Ethernet V2.0.

802.1q – Define provimento de capacidade de LAN virtual em uma rede, onde e usada em conjunto com o Token Ring e a Ethernet.

802.1p – Define o padrão para fluxo com priorização por tempo critico e filtragem de trafego multicast, para conter o trafego na camada 2 das redes.

802.2 –  Define a camada de enlace de dados e subdivide em camadas de LLC (Logical Link Control) e de MAC.

802.3 – Define a camada MAC e essa categoria geralmente e referida à ethernet. Antes da transmissão de dados a placa de rede examina a rede e espera ate que a linha esteja livre antes de transmitir. Se dois clientes transmitir simultaneamente ocorrera o que chamamos de colisão. O 802.3 é responsável por retransmitir os dados também é conhecida como camada física.

802.4 – Define a camada MAC para redes Token Bus. Para haver transmissão os clientes recebem uma permissão para transmitir os dados, e na transmissão, os dados são transmitidos em linha reta.

802.5 – Define a camada MAC para redes Token Ring Para haver transmissão os clientes recebem uma permissão para transmitir os dados, e na transmissão, os dados são transmitidos seguindo um caminho de um anel ou circulo logico.

802.6 – Define métodos de acesso Dual Bus e de fila distribuída da camada fisica

802.7 – MANs de Banda Larga.

802.8 – Fibra Óptica.

802.9 – Integração de Redes Locais.

802.10 – Define o protocolo em segurança redes MAN (tem sido substituído pela 802.1q).

802.11 – Define as redes sem fios também conhecidos como Wi-Fi. Sua arquitetura foi criada para funcionar como link final entre usuário, sem fio e a rede evitando o uso de fios e cabos.

802.11a – Define frequência de 5 GHz e taxa de 54 Mbps. Esse padrão não foi muito aceito por causa da sua incompatibilidade com a 802.11b e 802.11b+.

802.11b – Define taxas de transmissão de 11 e 5,5 Mbps.

802.11b+ – Define taxas de transmissão de 22 Mbps.

802.11g – Define frequência de 2,4 GHz e taxas de transmissão de 54 Mbps.

802.11g+ – Define frequência de 2,4 GHz e taxas de transmissão de 108 Mbps.

802.12 – Define a prioridade de demanda MAC e Física.

802.15 – Define as redes por meio usado em Bluetooth.

802.16 – Define as redes Wimax que são interface padrão para faixas Broadband fixas em sistemas Wireless. A Rede Wimax é mais veloz comparado com a rede Wi-Fi convencional.

802.20 – Define as redes Wi-Fi para aparelhos celulares (Mobile Wireless Access: Mobile-fi).

802.22 – Define a rede Wi-Fi para áreas regionais (Wireless Regional Area Network WRAN).

Fonte: http://www.ieee.org/index.html

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s